Sem título-2-08.png
  • Junior Sas

Alerta para conter transmissão da varíola dos macacos cresce após alta de casos

Neste episódio do E Tem Mais, Carol Nogueira apresenta um panorama das preocupações com a doença declarada pela OMS como emergência de saúde pública global



O vírus responsável pelo novo surto da varíola dos macacos já foi registrado em mais de 70 países, e o número de casos ultrapassou a marca de 16 mil, com pelo menos cinco mortes. No Brasil, são mais de 800 casos confirmados. Os números reforçam os alertas de autoridades e especialistas para a necessidade de fortalecimento da cooperação internacional e de medidas de prevenção contra a doença.


A infecção é transmitida por fluidos corporais e, por isso, é preciso evitar o contato ou a proximidade prolongada com pessoas com suspeita de contaminação. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomendou a vacinação de quem tiver alto risco de exposição à doença, mas acrescentou que, no momento, não há indicação de aplicação em massa da vacina.


Neste episódio do E Tem Mais, Carol Nogueira apresenta um panorama das preocupações com a alta dos casos da varíola dos macacos, que levou a OMS a classificar a doença como uma emergência de saúde pública global.


Para descrever os riscos impostos pelo surto da infecção e as estratégias para frear a transmissão do vírus, participam deste episódio o médico José Geraldo Ribeiro, epidemiologista do Grupo Pardini e professor da Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, e o virologista Matheus Nunes Weber, da Universidade Feevale.


Fonte: CNN Brasil



Sem título-2-08.png