Sem título-2-08.png
  • Junior Sas

Brasileiro procurado desde 2020 por estuprar menina de 13 anos é preso nos EUA

Segundo autoridade internacional, o Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJSC) emitiu um mandado de prisão.


O Serviço de Imigração e Alfândega dos Estados Unidos (ICE em inglês) informou na quinta-feira (8) que prendeu um brasileiro de 29 anos procurado por abusar sexualmente uma menina de 13 anos no Brasil. Segundo o órgão internacional, o homem tinha um mandado de prisão em aberto devido a uma acusação em um processo de estupro de vulnerável em Santa Catarina.


A prisão do brasileiro ocorreu após um pedido feito pela Polícia Federal. Segundo o ICE, o Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJSC) emitiu um mandado de prisão para ele em junho de 2020.

Outros detalhes do processo não foram divulgados.


O g1 SC não conseguiu contato com nenhuma defesa do homem até a última atualização do texto. A reportagem também procurou o TJSC na manhã desta quarta-feira (14) para tentar mais detalhes sobre o brasileiro e aguarda retorno.


Além do ICE, oficiais de Operações de Execução e Remoção (ERO) do Serviço de Alfândega (ICE) de Baltimore participaram da ação. O brasileiro foi preso na cidade de Rockville em 29 de junho.


Em comunicado, o Serviço de Imigração norte-americano informou que o brasileiro entrou nos Estados Unidos em uma data e local desconhecidos. Em 15 de junho deste ano, as autoridades internacionais receberam a informação sobre o paradeiro do brasileiro no país.


“Fugiu da justiça e tentou escapar da captura escondendo-se nos Estados Unidos. Sua prisão deve servir como um lembrete para os indivíduos que procuram tentar o mesmo crime, que a justiça não tem fronteiras”, informou em comunicado para a imprensa Lyle Boelens, diretor do escritório de campo da ERO Baltimore.


Fonte: G1

Sem título-2-08.png