Sem título-2-08.png
  • Junior Sas

COMEÇA A PAVIMENTAÇÃO DE 3 RUAS EM CORUPÁ e OUTRAS INICIARÃO NOS PRÓXIMOS DIAS

Após a contrapartida da prefeitura, a empresa vencedora da licitação aplica a base para colocação da camada asfáltica.

Moradores das ruas Lino Weidner (Bairro Ano Bom), Padre Anselmo (João Tozini), e do trecho um da Francisco Mees, em breve deixarão de conviver com a lama e o pó.


Após contrapartida da prefeitura na construção das sub-bases e outros investimentos de infraestrutura, a empresa vencedora da licitação iniciou nesta semana a colocação das bases para a aplicação da camada asfáltica e as obras devem estar concluídas nos próximos dias.

De acordo com o prefeito, Luiz Carlos Tamanini, o processo é gradativo e envolve diversas etapas, por isso, às vezes, demora um pouco além do desejado pela administração pública, mas ele ressalta que o importante é que todos os compromissos assumidos com os moradores, serão cumpridos. “O que emperra bastante, é que após a reunião com os proprietários e a pré-adesão, muitos desistem na hora de assinar o contrato com a empresa e com isso, não atingem os 70% mínimos necessários para o início das obras”, destacou.


O Programa de pavimentação comunitária Nossa Rua, prevê que os moradores que não aderirem, pagarão a pavimentação na forma de contribuição de melhorias, onde os valores são infinitamente maiores. Atualmente, com a contrapartida da prefeitura, mais recursos de emendas parlamentares e participação dos proprietários dos imóveis, o preço cobrado por metro quadrado de pavimentação asfáltica de 5 centímetros, é de R$ 78,00, valor que diminui para R$ 65,00 se a espessura for de 4 centímetros. No caso da pavimentação por paver treliçado, com 16 faces, o que ocorre geralmente em ruas pequenas e de pouco movimento de carga pesada, os valores são de R$ 50,00 e R$ 60,00 com espessura de 6 e 8 centímetros respectivamente. “Estes preços são desde que foi instituído o projeto no ano passado e permanecem até a assinatura dos contratos”, ressaltou Tamanini.


Ruas que constam para pavimentação nesta primeira etapa; muitas delas já com a contrapartida da prefeitura concluída


Else Gabler (Bairro Seminário)

Alvino Pfeutzenreuter (João Tozini)

Francisco Mees (Ligação entre XV de Novembro e Vila Izabel)

Felipe Schimidt (Vila Izabel)

Guilherme Melchert (Bairro Seminário)

Lino Weidner (Bairro Ano Bom)

Otto Hillbrecht (Bairro Bomplant)

Padre Gabriel Lux (Bairro Seminário)

Padre Anselmo Schimitter (Bairro João Tozini)

Pedra D’Amolar – (Bairro do mesmo nome)

Rudolf Fritsche – (Bairro João Tozini)

Waldemar Werner (Bairro Seminário)

Walter Hoffmann (+ou- 90 metros – Bairro Bomplant)


Fonte: Prefeitura Municipal de Corupá

Sem título-2-08.png