Sem título-2-08.png
  • Junior Sas

Hospital São José faz captação inédita de dois corações no mesmo dia em Joinville

Pacientes de Blumenau e São Paulo serão beneficiados pelos transplantes


O Hospital São José, de Joinville, realizou uma captação inédita de dois corações no mesmo dia nesta segunda-feira (20). Também foram captados quatro rins, dois fígados e duas córneas dos doadores, o que poderá beneficiar até dez pessoas com os transplantes.


Segundo Liliani Azevedo, coordenadora da Comissão Hospitalar de Transplantes (CHT) do Hospital São José, a captação de mais de um coração, no mesmo dia, envolve fatores que raramente acontecem.


— São dois pacientes muito jovens e os dois com aceite de coração. E foi possível organizar duas equipes diferentes para virem até hospital — explica.


A Central Estadual de Transplantes, em Florianópolis, organiza a logística da distribuição dos órgãos captados nos hospitais catarinenses. No caso dos corações captados nesta segunda-feira, um foi para São Paulo e outro para Blumenau.


O transporte contou com o apoio de um helicóptero da Polícia Civil e de uma ambulância do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville (CBVJ).


Segundo Liliani, a partir do início dos testes para o diagnóstico de morte encefálica, a equipe do hospital começa a acolher as famílias e explicar sobre os procedimentos. É quando a família passa a processar a possibilidade de um desfecho de morte.


— Durante esse processo, que dura em média 12 horas ou mais, não se fala em doação de órgãos, o ente querido ainda está vivo. Mas o acolhimento da família e a clareza e seriedade do processo, fazem muita diferença — esclarece.


De janeiro a maio deste ano, dez pacientes tiveram órgãos captados no Hospital Municipal São José, após o consentimento dos familiares.


Fonte: NSC

Sem título-2-08.png