Sem título-2-08.png
  • Gabriel Jr

Início de semana movimentado no resgate de fauna em Jaraguá



Um tamanduá, um cachorro-do-mato e uma cobra dormideira. Esse foi o saldo das últimas 48 horas do trabalho de resgate de fauna silvestre promovido pelas equipes da Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente (Fujama) e dos Bombeiros Voluntários nas últimas horas. No fim de semana, um jovem tamanduá-mirim (Tamandua tetradactyla) foi resgatado em uma zona residencial da cidade – localização exata não foi divulgada. O animal foi encaminhado para clínica veterinária com queimaduras nas patas que podem ter sido causada, segundo o veterinário, pelo contato com o asfalto quente. Por ser muito novo, o espécime poderá ser encaminhado ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres, em Florianópolis.


Já na manhã desta segunda mais dois resgates. Primeiro de uma jararaca-dormideira (Sibynomorphus mikanii) encontrada na área central da cidade. A espécie é inofensiva ao homem e se alimenta de pequenos moluscos como lesmas.


Por fim, numa residência próxima à empresa WEG, na Vila Lalau, foi encontrado um cachorro-do-mato (Cerdocyon thous), também conhecido como graxaim. Assustado, o animal se escondeu num dos cômodos da casa. Segundo os biólogos da Fujama, o canino selvagem estavam bem e deveria ser devolvido ainda nesta segunda-feira à natureza.

Posts recentes

Ver tudo
Sem título-2-08.png