Sem título-2-08.png
  • Junior Sas

Rua de cidade de SC cede mais de 1 metro em uma semana e trecho pode desabar, diz geólogo

Uma família precisou deixar a casa onde morava em São Bento do Sul, no Norte catarinense.

Uma rua em São Bento do Sul, no Norte catarinense, segue interditada com alerta de desmoronamento nesta quinta-feira (16), segundo a Defesa Civil. O laudo que vai indicar o motivo da erosão deve ser divulgado até segunda-feira (20). Uma família precisou deixar a casa onde morava.


Segundo a prefeitura, os moradores conseguiram retirar parte da estrutura de madeira da residência para usar em uma nova construção. Outras casas da Rua Jaraguá do Sul, onde a situação aconteceu, não foram afetadas.


Segundo o diretor da Defesa Civil de São Bento do Sul, Vilmar Kravec, o órgão garantiu auxílio necessário para que a família saísse em segurança.


Ele informou, ainda, que uma equipe das Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) precisou fazer a retirada de postes de energia elétrica no local. A Samae, empresa responsável pela distribuição de água na cidade, também fez alterações nas tubulações.


O geólogo da Associação dos Municípios do Nordeste de Santa Catarina (Amunesc), Aharon Barreiro, esteve na rua para fazer a vistoria técnica da área na segunda-feira (13). Ele contou que, em uma semana, o trecho já desceu mais de um metro.


"Além disso, rachaduras no barranco a cima da rua também já foram identificadas, demonstrando que toda essa parte do solo deverá vir abaixo”, explicou.

Em vídeo, gravado na última semana, Vilmar Kravek mostrou a situação da rua, nas proximidades da casa interditada, quando a área ainda havia cedido apenas 40 centímetros.


A rua está interditada desde a primeira vistoria, em 6 de junho, tendo sido proibida a circulação de carros e de pedestres. A prefeitura não informou qual a previsão para liberar o local.


Fonte: G1

Sem título-2-08.png