Sem título-2-08.png
  • Gabriel Jr

Vacinação covid avança, cai número de óbitos, mas cuidados devem continuar em Jaraguá



Segundo informações da Secretaria de Saúde, Jaraguá do Sul está há 16 dias sem registrar óbitos em decorrência da covid-19. É o maior período sem mortes de residentes no município, por covid, desde julho de 2020, há um ano e quatro meses. Os dados são até a quarta-feira (3).


O momento atual é considerado positivo e para os especialistas da Saúde está diretamente ligado ao avanço da vacinação.


Segundo o diretor de Vigilância em Saúde, Dalton Fischer, os números demonstram, na prática, a importância da imunização contra a doença.


Até agora, em torno de 133.968 pessoas já tomaram, pelo menos, uma dose da vacina contra a covid-19 em Jaraguá do Sul. Isso corresponde a 74% da população com 12 anos ou mais a ser vacinada no município, que é de 152.165 pessoas, segundo estimativa do Ministério da Saúde. Já completaram o esquema vacinal, com as duas doses, 57% do público-alvo do Plano Nacional de Imunização.


“Estamos avançando na vacinação e isso é fundamental para controlar o avanço da pandemia e retomar de forma segura as atividades”, pontua Dalton.


Nas faixas etárias de 60 anos ou mais a cobertura vacinal ultrapassou 100% da meta estabelecida tanto para a D1, quanto para a D2. Os adolescentes, que começaram a ser vacinados há pouco mais de dois meses, também estão comparecendo. Do público estimado de 15.228 pessoas, 8.712 já tomaram a primeira dose, ou 57,2% do total. Para o secretário de Saúde, Alceu Gilmar Moretti, isso também é um dado positivo. “Percebemos que os jovens estão atentos e procurando pela vacina, o que é bastante importante. Quanto mais pessoas vacinadas, mais rápido conseguiremos sair da pandemia”, ressalta.


A Secretaria de Saúde analisa, diariamente, os números da covid no município. Os relatórios apontam para um cenário gradativamente melhor, mas, todo o cuidado ainda é pouco, alerta o diretor de Vigilância. “A pandemia ainda não acabou, precisamos aumentar ainda mais os índices de vacinados. Boa parte das pessoas que estão evoluindo para quadros mais graves de covid, não tomaram nenhuma dose de vacina ainda”, alerta. Até essa quarta-feira (3), do total de pacientes residentes em Jaraguá do Sul internados na UTI, entre 30 e 59 anos, quatro não eram vacinados.

Sem título-2-08.png